12 agosto, 2008


O livro que mais li na escola e o filme que mais gostava (lia e assistia escondido, pois aos 11 anos minha mãe não deixaria ver).

A tal menina drogada e prostituida que "se livrou das drogas" com ajuda da mãe e ficando longe das más companhias.

Pois parece que Christiane F. voltou a sua antiga condição .

7 comentários:

paula disse...

Chele, tu é tão delicada. Nunca imaginei que gostasse disso na adolescência, hehe!
A rebelde mais gracinha que há :)

Suani disse...

Ela foi um ícone na adolescência de muita gente... e certo que não era so tu mãe que não deixaria.
Eu nao consegui abrir o link, mas em casa eu tento ver!!!

Grasi disse...

Minha irmã teve que pegar o livro pra mim na biblioteca... pela minha idade não deixaram eu pegar.
Li qundo tinha 8 anos... e depois veio o filme.
Até hj lembro de algumas cenas.
O tempo bom!
=D


PS: Alguém acreditava mesmo que ela não teria uma recaída.. nem ela acreditava...

Adele Corners disse...

Teu dvd tá bem cuidado... hehehehe

Nossa, eu não li o livro (empresta?), mas o filme vi zilhões de vezes.

Suani disse...

O filme é bom...mas o livro!!! Disparado...
alias, como em todo caso de livro=filme.

Karina disse...

Triste qdo esse tipo de coisa acontece, não?!

Paulo disse...

Eu li lá pelos meus dez anos. Por indicação de uma amiga de minha mãe, que achou que o livro me assustaria o suficiente para me manter longe das drogas.

Não funcionou. :P

Beijos!