29 julho, 2008

Os bonzinhos só se fodem

E como ele disse: as pessoas que não estão nem ai, nunca ajudam ninguém, são interesseiros e falsos são os que se dão bem. E na verdade é isso sim.
Enquanto muita gente fica naquele de ser legal com todo mundo, ajudar, ser prestativo, nunca passar por cima dos outros, não derrubar ninguém pelo caminho, outros são amigos apenas na hora de festa, só se importam com os outros para saber se a casa da praia vai esta liberada no verão ou se a carona tá de pé, e se o “amigo” liga pedindo um favor de verdade ele dá uma desculpa qualquer, dizendo que vai viajar a negócios ou a mãe tá doente.
O primeiro pode ouvir um muito obrigado ou um elogio meio xoxo, claro que não vão falar mal dele e sabem que ele é um cara que dá para contar. Mas o outro é convidado para a festa, para o churrasco, ele é muito divertido, não tem como não convidar. Pior é quando isso acontece na família, todo mundo percebe a diferença entre o prestativo e o escalado, mas ninguém fala nada. O tratamento é igual. Mesmo que um chegue duas horas antes da janta, faça toda comida, sirva e ainda fique para limpar depois. E o outro chegue a na hora de comer e assim que acaba a refeição sai rapidamente dizendo que tem outro compromisso, e que veio na janta para fazer companhia, mesmo sabendo que não podia por causa do outro “compromisso”.
Ahan....
E quem se fode????? O bonzinho, claro. Todo mundo o convida, pois sabe que ele sempre ajuda, e se algum dia ele tiver alguma atitude diferente é alvo de críticas.
Mesmo os amigos preferem o cara “divertido” ao bonzinho. Mas na hora da ajuda quem eles chamam?
Claro que algumas pessoas percebem a diferença entre os dois e comentam, mas quem realmente deveria notar não dá bola, não quer fazer diferença. Ai a desculpa é: eles têm personalidades diferentes. Então tá, mas vê se começa a chamar o outro na hora que quiser um favor...

7 comentários:

Adele Corners disse...

Nossa. Acho q tu tem coisas a me contar....

Grasi disse...

É sempre assim!
Parece que se tu ajuda uma vez tem que ajudar sempre... senão acham ruim!
E quem nunca faz nada por ninguém não é julgado e nem incomodado!
saco isso...

Bjão to com saudades de ti!!!
=D

Karina disse...

Acho que ajudar e se preocupar com os outros não é uma questão de personalidade não, é questão de caráter. E isso a gente não consegue mudar, esconder ou comprar.

Paulo disse...

Eu já fui assim... E levou muito tempo pra aprender. Apesar de que isso está na personalidade de cada um, e mudar custa um esforço contínuo. Até hoje eu tento, faço de conta que não entendo, fujo de certos eventos, porque eu sei que vou me ferrar por ser bonzinho novamente.

Gina disse...

Ahhh...e como isso é visível no trabalho!

Romeu disse...

Lendo um post num blog de um amigo, achei seu texto similar ao dele..
http://covildelobos.wordpress.com/2008/08/18/por-que-caras-legais-sao-frequentemente-fracassados

Geison Rocha de Castro disse...

Muito bom o blog aqui. Parabéns!!

É...
Eu sei o que é se fuder. =(

Mas vamos sempre recordar que não fazemos as coisas boas que fazemos esperando alguma espécie de retribuição. E sim por ser de nossa naturezas.
Agora se quiser, apenas supere isso...